Construindo pavimentos de estradas com esterco de porco


CIVILIZAÇÃO ENGENHEIRA

pavimentos-estradas-esterco-porco-01

Uma equipa de investigadores da Universidade Estatal Agrícola Técnica da Califórnia do Norte (NCAT), com o apoio da Fundação Científica Nacional (NSF), está a estudar a possibilidade da utilização de dejetos de porco no fabrico de ligantes para pavimentos rodoviários.

As fezes de porco são vastamente utilizadas, na forma de estrume, no setor agrícola devido às suas excelentes propriedades adubantes.
O uso sistemático deste abundante subproduto da indústria pecuária pode, no entanto, levar à contaminação dos solos e águas subterrâneas, especialmente se o mesmo não for sujeito a tratamento adequado.

pavimentos-estradas-esterco-porco-07

Este resíduo, do qual são anualmente produzidos 160 mil milhões de litros a nível mundial, é também rico em óleos, muito similares ao petróleo, pelo que o seu uso como substituto, potencialmente mais sustentável, do betume poderá fazer sentido.

Os engenheiros da Universidade Estatal Agrícola Técnica da Califórnia do Norte conseguiram fabricar, através da destilação de óleos provenientes de fezes…

Ver o post original 154 mais palavras

Anúncios

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s